Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Ao lado do presidente Jair Bolsonaro, o ministro da Cidadania, João Roma, anunciou nesta quarta-feira (31) a volta do pagamento do auxílio emergencial, que acontecerá na próxima terça-feira (6).

Os pagamentos do novo lote do auxílio serão feitos em quatro parcelas: de abril a julho, e os beneficiários poderão consultar, a partir de quinta-feira (1º) se receberão a nova rodada. O número de beneficiários em relação ao ano passado foi reduzido de mais de 65 milhões para 46,6 milhões de brasileiros.

O Ministro da Cidadania João Roma confirmou que os novos pagamentos do auxílio terão o valor médio de R$ 250, com diferenças para famílias comandadas por mulheres que criam filhos sozinhas, que receberão R$ 375, e para pessoas que moram sozinhas, que terão direito ao menor valor, R$ 150.