O secretário de Saúde do Município, médico Marcelo Britto, deve ter sensibilidade para designar, “de imediato”, uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) voltada à assistência de urgência e emergência de pessoas portadoras de anemia falciforme em Feira, defende o vereador Emerson Minho (DC).

Presidente da Comissão de Saúde da Câmara, ele fez este apelo ao dirigente da pasta após ouvir nesta quinta (10) pronunciamento do coordenador geral da Associação das Pessoas com Doença Falciforme, na Tribuna Livre da Casa.

Fabrício Cabral do Nascimento reclama que, desde junho do ano passado, o único serviço de que dispunham os pacientes foi encerrado pelo Hospital Dom Pedro de Alcântara e estes “sofrem em UPA e policlínica, do Município ou do Estado, sem o suporte necessário para assistência especializada”.

Emerson diz que tem conversado com seus pares de Comissão sobre este assunto.

Sobre a matéria que o prefeito disse que a câmara deveria debater mais o problema da covid 19, o vereador Emerson Minho, falou hoje que vários projetos para ajudar ao combate do vírus foram aprovados e não sancionados pelo executivo, inclusive foi criada uma comissão especial para ajudar no combate ao coronavirus.